© 2019 Pegada Ecológica dos Municípios Portugueses.

CASCAIS

Cascais possuí um histórico internacional comprovado através do património encontrado na nossa costa tendo sido um local de permuta de ideias e cruzamento de culturas. Com uma área de 97,4 km² e um terço desta área ser parte integrante do Parque Natural, é nossa prioridade a preservação e valorização do meio natural. No seguimento do relatório de Brundtland (1987 – ONU) e da Cimeira do Rio (1992 – ONU) Cascais assina em 1994, através da Agenda 21, a Carta das Cidades Europeias para a Sustentabilidade. Estava assim formalizado o compromisso com o Desenvolvimento Sustentável.

 

Através das primeiras linhas de orientação, Cascais tem vindo promover a mudança de comportamentos e a permuta de conhecimento a nível nacional e internacional, em 2007 é feito o primeiro retrato energético do Município através da Matriz Energética (2005 e posteriormente 2010 e 2015). Em 2009 é desenvolvida a primeira pegada ecológica em sincronia com o envolvimento no Pacto dos Autarcas e o Plano Estratégico de Cascais face às Alterações Climáticas (PECAC – 2010).

 

Recentemente Cascais consolida as suas estratégias de Sustentabilidade através da Digitalização, Ação e Compromisso Global, com o desenvolvimento da aplicação “City Points” (premiada pela Organização das Nações Unidas), o Plano de Ação para as Adaptação às Alterações Climáticas de Cascais, adere ao compromisso para com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas e por fim Matriz da Água de Cascais, instrumento inaugural da Estratégia de Sustentabilidade para a Água em Cascais.

 


 

Vereadora Joana Balsemão

Calculadora

Relatório

Mais informações